Polícia

Evidências indicam que PMs agiram em legítima defesa pessoal e de terceiros na ocorrência de Lacerdópolis, diz comandante

  • Gabriel Leal
  • 12/02/2024 16:49
174149502565ca8446b570b4.93893828.jpg

O Major Vilmar Rosa, comandante da 2ª Companhia da Polícia Militar de Capinzal, concedeu entrevista exclusiva ao Jornalismo da 102.3 FM, na manhã desta segunda-feira, dia 12, com detalhes adicionais sobre a ocorrência registrada na manhã deste domingo, dia 11, no Bairro Nossa Senhora Aparecida (COHAB), em Lacerdópolis, onde uma mulher de 41 anos, armada com facas, morreu ao investir contra policiais militares.

 

O oficial reiterou que um inquérito policial militar foi instaurado para investigar os fatos e que aguarda o laudo de balística para dar andamento ao procedimento. Ele lamentou o desfecho da ocorrência, mas enfatizou que até o momento todas as evidências indicam que os policiais agiram em legitima defesa pessoal e de terceiros.

 

O Major afirmou que a guarnição tentou de todas as formas contornar a situação que era muito crítica, que uma policial chegou a levar uma facada no colete e que, diante da mulher armada com duas facas, não restou outra alternativa senão alvejá-la.

 

A priori foram efetuados quatro disparos progressivos, iniciando pelas pernas. As armas utilizadas na ocorrência foram retiras para perícia e os policiais envolvidos, após a avaliação protocolar, continuarão trabalhando normalmente.

 

Ouça a íntegra da entrevista com o Major Vilmar Rosa.



Enquete